Paysandu x Remo: veja prováveis escalações, desfalques e equipe de arbitragem do 1º Re-Pa da final

Redação Por: Redação

Esporte Novidades

Publicado em 02/09/2020 15:30h

Paysandu x Remo: veja prováveis escalações, desfalques e equipe de arbitragem do 1º Re-Pa da final

Mangueirão recebe a partida — Foto: Cristino Martins/O Liberal

Tudo o que você precisa saber sobre o jogo de ida da decisão do Parazão, nesta quarta-feira

Paysandu e Remo iniciam, nesta quarta-feira, o duelo pelo troféu do Campeonato Paraense 2020. Os dois jogos serão no Mangueirão e nenhuma equipe possui vantagem no confronto, já que os mandos de campo serão exercidos no mesmo estádio e sem a presença de público. A bola rola às 20h e será acompanhada em Tempo Real pelo ge.

Mandante do primeiro jogo apenas por convenção, o Papão chega pressionado pelo peso dos tropeços recentes na Série C. Acostumados a longos períodos de invencibilidade sob o comando de Hélio dos Anjos, os bicolores vivem seu pior momento com o treinador, com três derrotas nos últimos cinco jogos. Comissão técnica e diretoria foram a público cobrar a mudança de postura do time. Vencer o campeonato pode trazer a paz de volta à Curuzu.

O contexto do Leão é mais tranquilo, porém não de menor responsabilidade. O time está invicto desde março e tem boa campanha na Série C, mas atuações recentes deixaram certa "pulga atrás da orelha" da torcida. São dois jogos sem marcar gols e com uma atitude ofensiva oscilante dentro dos jogos. Em resposta, Mazola Júnior se apega a números defensivos (não é vazado há quatro partidas) e reforça que está insatisfeito com o desempenho do time no último terço do campo.

 

 

 

Paysandu - Técnico: Hélio dos Anjos

 

Segundo o próprio técnico, o time está definido "em sua cabeça" desde o último domingo, no primeiro treino em preparação ao clássico. Mesmo com a pressão por melhores resultados, Hélio dos Anjos confia no modelo de jogo implementado na equipe e reajustado desde a retomada, com linhas altas e marcação no campo adversário. O Papão quer entrar em campo para propor o jogo.

A única dúvida é o lateral-esquerdo Bruno Collaço, de fora das duas partidas anteriores por causa de uma lesão na coxa. Ele não esteve com a equipe na viagem ao Amazonas, no final de semana, mas treinou nos últimos dias. Foco das principais críticas, o setor de meio-campo pode ter supresas, como a volta de Alex Maranhão no lugar de Luiz Felipe.

 

  • Quem está fora? Não há jogadores suspensos nem lesionados.

 

 
Provável escalação do Paysandu — Foto: ge

Provável escalação do Paysandu — Foto: ge

 

Remo - Técnico Mazola Junior

 

O treinador se irritou na coletiva pós-jogo contra o Vila Nova quando perguntado se poderia fazer rodízio no elenco por causa do calendário apertado. Mazola respondeu que seria ruim "para o vestiário". Segundo essa lógica, deve manter a formação com quatro homens no meio-campo que ele mesmo afirmou, em várias oportunidades, não ser a que planejava antes da retomada, mas a alternativa possível em razão dos desfalques que possuía.

Com o DM esvaziado, esperam-se mudanças, principalmente do meio para frente. Porém, por se tratar de um clássico e que vale taça, a tendência é que o técnico ainda não mexa na estrutura, que de fato possui solidez defensiva. A alteração mais provável é a volta de Everton Castro à lateral-direita, que teve efeito positivo no time quando feita no intervalo do duelo contra o Vila, domingo passado.

 

  • Quem está fora? Não há jogadores suspensos nem lesionados.

 

Provável escalação do Remo — Foto: ge

Provável escalação do Remo — Foto: ge

 

 

  • Árbitro: Bráulio da Silva Machado (FIFA/SC)
  • Assistente 1: Danilo Ricardo Simon (FIFA/SP)
  • Assistente 2: Neuza Inês Back (FIFA/SP)
  • 4º árbitro: Andrey da Silva e Silva (CBF/PA)

Por: Redação do ge — Belém, PA

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Baixo Amazonas - Blog de Notícias